quinta-feira, 22 de março de 2007

Trotes e Cortesias Galopantes


Se "sempre que um homem sonha, o Mundo pula e avança!..."

Porque não saltar de sonho em sonho, avançar de desejo em desejo
e colocar a alma e o espírito ao rubro!...

Seja pela cortesia na sua elegância, delicadeza e esplendor,
no sentido de contemplar um sonho de sentido vivo e presente!...

A trote na procura de novos e diferentes prazeres,
ou de sentimentos mais profundos!...

Ou mesmo galopando sem norte, indiferente aos alinhamentos,
em busca da surpresa, da novidade, do desconhecido,
mesmo que produtores de inconveniências!!!

É que, na realidade, "sempre que um homem sonha, o Mundo pula e avança!..."

A cada hora, a cada minuto, a cada segundo!...

Há sempre uma "Maria" que espera por si!!!

Ao amigo Mário Nóbrega, que tem uma Maria (de boa casta) que monta amiudadas vezes... (Novembro/2001)

2 comentários:

José Manuel Brazão disse...

Já adicionei o seu Blog nos meus três blogues:

http://poesiacomemocoes.blogspot.com/

http://jmbrazao.blogspot.com/

http://umavidaemcontos.blogspot.com/

Luisa Martins disse...

Tinhas este poema tão bem guardadinho :))))
O nosso amigo Mário, como fica bem a galopar na sua tão querida "Maria". Como já sabes adorei.
Beijinhos
EU