sábado, 20 de março de 2010

Flor dos Beijos, de Ana Coelho e Beijo, de José Antunes

Flor dos Beijos
A tua boca
Faz crescer
Por entre os lábios
Água cristalina
Na flor dos beijos,
A língua toma fogo
Galgando poros
Vertiginosos
Na epiderme,
Tacteando
Evolução crescente
Do mosto trepando
Até ao topo
...Solta-se a voz
Por entre os dedos calados...
Ana Coelho
Beijo
A boca na boca
o beijo,
a gota d'água
transparência do sentir
música desperta
flor de rosto, luminosa
flor de carne, recomeço
o beijo,
união de paz e sombra
a espera tão esperada
ternura, sangue que queima
lágrimas em erupção
na voz que dilacera, sossego
um corpo em nova órbita.
José Antunes
Poemas in livro "Nuances de um silêncio a dois", edições "Edita-me"

foto dos autores no Lançamento do seu livro "Nuances de um silêncio a dois", in facebook (albúns de Ana Coelho, perfil)


1 comentário:

anacoelho disse...

Uma bela surpresa encontrar este beijo "duplo" por aqui.
Um beijo e uma flor de beijos a conjuntura de duas vidas um destino, num livro que para nós é a comunhão da poesia e da vida.

Obrigada amigo António

Beijos Ana Coelho
Abraços José Antunes