quarta-feira, 6 de outubro de 2010

Amigo

Guardo-te no coração
Mesmo longe, sei que estás aqui
Sabes bem tudo o que sinto
Sentes sempre tudo o que sei
Porque ambos sabemos
Que haja o que houver
Nada ou ninguém
Nos pode separar!

Ana Casanova

in livro "Dialectos da Memória", edições Temas Originais

1 comentário:

Humana disse...

Obrigada António!
Estes gestos sabem muito bem e é com muito gosto, amizade e orgulho que o recebo.
Beijinho do novo membro da familia, "Temas Originais". ;D