terça-feira, 13 de agosto de 2013

Carla Furtado Ribeiro




INVOCAÇÃO

misterioso olhar
pleno de estrelas
infantilmente presas
às meninas dos teus
olhos e que num repente
me adormecem de silêncios
és tu que vens chamando
pelo meu nome
e és tu que chegas
pleno das ternuras
com que alimentas
a raiz dos meus afectos
e depois chamam-me doce
mas sou tua
eu sou apenas
o afluente
dos teus gestos

Carla Furtado Ribeiro, in “[ EM SILÊNCIO ]”, página 30, edições Chiado Editora, Lisboa, Agosto 2013.
 
P. S. - Um belo livro de poesia, com outra relevância apensa: "Esta obra não segue o novo acordo ortográfico".

1 comentário:

MANUEL GOMES disse...

Lindo Poema adorei Parabéns a Carla e ao António por ter colocado no seu blog.