domingo, 29 de agosto de 2010

Mensagem

Se espreita um sinal
Um som
Um assobio fatal

Se espreita um acenar
Um gesto
Um adeus para esfriar

Se espreita um carinho
Um abraço
Um copo de vinho

Se espreita um olhar
Um piscar
Uma imagem por falar

Se espreita a coragem
Uma acção
Uma simples mensagem

Se espreita a razão
Uma emenda
Uma certa frustração

Se espreita de tudo
Uma luz
Um som
Uma voz
Um aperto de mão
Uma solução

Mas o mundo é mudo


António MR Martins

imagem by Hélder Júnior (na net)

1 comentário:

Humana disse...

Já tinha lido e comentado este seu poema mas a poesia é para ler e reler sempre que tenhamos vontade.
Gosto dos sentimentos expressos e da forma como os transmite e chega até nós.
Um beijinho com amizade.